Governo de Baltimore deve pagar quantia em Bitcoin para hackers

De acordo com o site oficial da Prefeitura de Baltimore, cidade independente mais populosa dos Estados Unidos, a população está enfrentando sérios problemas após o sistema da cidade ter sido invadido por hackers que exigem um resgate de mais de US$76.000 em Bitcoin.

O ataque de ransomware ocorreu no dia 7 de maio, e comprometeu tanto os computadores do governo quanto os pessoais, forçando a cidade a derrubar serviços e sistemas online para conter os danos.

Até o momento as autoridades se recusaram a pagar, o que resultou em muitas dificuldades tanto para os residentes locais quanto para o próprio governo, que passou a realizar manualmente trabalhos antes feitos pelo sistema.

“Estamos indo bem no processo de restauração (…). Envolvemos especialistas em segurança cibernética da indústria, que estão trabalhando 24/7 no local”. Disse Bernard Young, prefeito da cidade.

Também foi informado que o governo está trabalhando juntamente com o FBI para averiguar o caso.

Esta aparentemente é a segunda vez em menos de um ano que o sistema da cidade é atacado.

No caso anterior, os hackers comprometeram o sistema telefônico, atingindo números de prestação de serviço como o 911 (emergência) e o 311 (conexão para informações, problemas ou dúvidas).

A cidade de Atlanta também passou por algo parecido em março de 2018, quando os computadores do município foram atingidos por um ransomware. Na ocasião, foi exigido o pagamento de US$51.000 em Bitcoin para que funções vitais da cidade não fossem desativadas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui